Pense Jornal - Sua fonte de notícias na cidade de Jaraguá do Sul

Terça-feira, 23 de Julho de 2024

Notícias/Política

Supremo vive universo paralelo, avalia deputado

Sargento Fahur (PSD-PR) faz análise sobre julgamento que pode acabar com revista íntima em presídios nos moldes atuais.

Supremo vive universo paralelo, avalia deputado
Foto Ag.Câmara
IMPRIMIR
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando
O deputado Sargento Fahur (PSD-PR) vê o judiciário brasileiro sob as lentes da desconfiança.
No auge de polêmicas como o andamento do julgamento sobre a validade da revista íntima em presídios, o parlamentar disse que “nossos julgadores de instâncias superiores, inclusive da nossa Suprema Corte, vivem em um universo paralelo, um mundo fantasioso”. 
O deputado,  que atuou por 35 anos como policial militar, recorda que é comum que familiares autorizados a visitar presos sejam pegos portando drogas e celulares ao adentrar nas unidades prisionais.
Publicidade

Leia Também:

Temos casos, inclusive de armas de fogo apreendidas nas visitas íntimas. Muitas vezes, os presos ameaçados dentro da cadeia são obrigados a cooptar seus parentes para que levem celulares, levem droga, levem dinheiro, para que eles possam pagar as facções lá dentro”, explicou.
Para ele, é “um absurdo que o STF se intrometa na segurança dos presídios, vetando esse tipo de visita.  Ou seja, as cadeias se tornarão mais do que já são,  um caos, trazendo riscos para quem está aqui fora”.
FONTE/CRÉDITOS: DP
Comentários:

Veja também

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!