Pense Jornal - Sua fonte de notícias na cidade de Jaraguá do Sul

Segunda-feira, 15 de Julho de 2024

Notícias/Saúde

Saúde chama atenção para o número de faltas nas consultas agendadas

Em 2023, do total de agendamentos na rede, 9,23% das consultas foram perdidas devido à ausência dos pacientes sem aviso prévio

Saúde chama atenção para o número de faltas nas consultas agendadas
Foto PMJS
IMPRIMIR
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

A Prefeitura de Jaraguá do Sul, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, vem registrando índices elevados de absenteísmo (faltas) da população em consultas agendadas na rede. Dados recentes da pasta revelam que, em 2023, do total de agendamentos do ano (198.517), ocorreram 18.393 mil faltas, ou seja, 9,23% de consultas que foram perdidas devido à ausência dos pacientes sem aviso prévio. Este número inclui consultas médicas, de enfermagem, pediátricas e odontológicas.

As faltas não justificadas em consultas agendadas em 2023 foram distribuídas da seguinte maneira:
Consultas médicas: 10.267 pessoas faltaram.
Consultas com enfermeiro: 5.637 faltas registradas.
Consultas pediátricas: 933 crianças não compareceram.
Consultas odontológicas: 1.556 faltas.

A gerente de Atenção Primária, Milena Machado, informa que, infelizmente, o problema persiste em 2024. Até o momento, já foram registradas 8.996 faltas sem aviso prévio, o que indica que a tendência de absenteísmo continua alta.
Este índice representa um desafio significativo para a gestão da saúde no Município, tendo em vista que, ao faltar a uma consulta e não avisar, a pessoa acaba impedindo que outro paciente seja atendido em seu lugar. Assim, o absenteísmo compromete o acesso e a qualidade dos serviços prestados à população e afeta a eficiência destes serviços.

Além dos pacientes que perdem a oportunidade de serem atendidos, o comportamento também impacta negativamente os profissionais da rede. Ainda, os munícipes faltantes podem atrasar seus tratamentos, o que pode levar a complicações de saúde.
O secretário de Saúde, Rogério Luiz da Silva, reforça que a colaboração da comunidade é essencial para melhorar a eficiência e a eficácia do sistema de saúde pública, garantindo que todos os cidadãos tenham acesso ao atendimento necessário em tempo hábil.

“As autoridades de saúde estão comprometidas em enfrentar essa questão, mas é essencial que a população também faça sua parte, indo às consultas agendadas ou avisando com antecedência em caso de impossibilidade de comparecimento”, afirma.

FONTE/CRÉDITOS: Diretoria de Comunicação da Prefeitura de Jaraguá do Sul
Comentários:

Veja também

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!