Pense Jornal - Sua fonte de notícias na cidade de Jaraguá do Sul

Segunda-feira, 15 de Julho de 2024

Notícias/Nacional

Presidência gastará R$20 milhões para reformar imóveis

Obras serão realizadas nos palácios do Planalto e Alvorada

Presidência gastará R$20 milhões para reformar imóveis
Foto José Cruz/Agência Brasil
IMPRIMIR
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

A Casa Civil abriu uma licitação com previsão de R$ 20 milhões para reformar imóveis da Presidência da República. Esses imóveis incluem o Palácio do Planalto, que é a sede do governo federal, e o Palácio do Alvorada, que serve como residência oficial do presidente da República. O valor abrange todos os custos das obras, como materiais, serviços, mão de obra, tributos e seguros.

De acordo com o edital, publicado no Diário Oficial da União (DOU) na última quinta-feira (29), o pregão eletrônico terá como critério de julgamento o maior desconto. As propostas podem ser enviadas até 9h30 do dia 14 de março por meio do portal de compras do governo federal.

Além das reformas, estão previstas adequações e revitalização das instalações da Presidência da República. Segundo a Casa Civil, pela maioria terem sido construídos há mais de 60 anos, eles sofrem desgastes recorrentes.

Publicidade

Leia Também:

Locais incluídos na licitação:

  • Palácio do Planalto – 42.693,73 m²; 
  • Edifícios Anexos do Palácio do Planalto – 21.874,74 m²; 
  • Palácio da Alvorada – 9.561,00 m²; 
  • Granja do Torto – 4.891,60 m²; 
  • Palácio Jaburu – 3.088,72 m²; 
  • Complexo N2 – 23.466,60 m²; 
  • Pavilhão das Metas – 1.782,00 m²; e 
  • 80 imóveis funcionais – 12.850 m². 

A Casa Civil defende que o pregão representa uma alternativa para atender às intervenções frequentes que não estão cobertas pelos contratos contínuos de serviços de engenharia. Para alcançar esse objetivo, será implementado o Sistema de Registro de Preços, que possibilita ao governo obter valores junto aos fornecedores sem a necessidade de realizar licitações individuais para cada serviço. 

FONTE/CRÉDITOS: DP
Comentários:

Veja também

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!