Pense Jornal - Sua fonte de notícias na cidade de Jaraguá do Sul

Terça-feira, 23 de Julho de 2024

Notícias/Polícia

Polícia identifica suspeitos por feminicídio contra taxista no sul do Estado

Os autores vieram do RS para matar a namorada de um deles

Polícia identifica suspeitos por feminicídio contra taxista no sul do Estado
Foto PC/SC
IMPRIMIR
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

A Polícia Civil de Santa Catarina, por meio da Divisão de Investigação Criminal de Criciúma, prendeu um homem suspeito pelo feminicídio ocorrido no dia 1º de junho em Criciúma, quando uma mulher foi assassinada no bairro Nossa Senhora da Salete.

Após trabalho dos investigadores da DIC de Criciúma, os autores do feminicídio foram identificados. Ambos eram irmãos e moradores da cidade de Içara. O outro suspeito, que estava foragido, foi morto em confronto em Caxias do Sul, no Rio Grande do Sul.

Os dois homens também são suspeitos de serem autores do latrocínio de um taxista encontrado morto na cidade de Jaguaruna no dia 17 de junho. O caso está sendo investigado pela Delegacia de Polícia da Comarca de Jaguaruna.

Publicidade

Leia Também:

Entenda o caso

Segundo as investigações, os suspeitos teriam retornado do Rio Grande do Sul para Santa Catarina, com a intenção de matar a namorada de um deles. Pegaram um táxi, com um homem que, segundo investigações, já costumava fazer corrida para eles. Porém, por algum motivo que ainda está sendo investigado, mataram o taxista.

O veículo do taxista foi abandonado em Morro Fumaça. O corpo da vítima foi localizado em Jaguaruna e as investigações indicavam que ambos estariam se escondendo novamente pela região de Criciúma.

Após levantamento da equipe da DIC de Criciúma, com apoio dos policiais civis de Morro da Fumaça e do Serviço Aeropolicial, um dos suspeitos foi preso, escondido em área rural, na cidade de Cocal do Sul. No entanto, o outro suspeito já teria fugido para o estado do Rio Grande do Sul, com ajuda do pai.

Os policiais da DIC identificaram o paradeiro do suspeito, na cidade de Caxias do Sul/RS. O homem foi localizado pela equipe, mas, no momento de sua prisão, fugiu armado, para área de mata.

Durante a madrugada e a manhã, policiais da DIC, com apoio dos policiais da Agência de Inteligência da Serra da BMRS e do 4º Batalhão de Polícia de Choque, identificaram uma residência, também na cidade de Caxias do Sul, em que o suspeito e seu pai estariam escondidos. Durante a abordagem, houve confronto armado e ambos morreram. Já o suspeito preso está recluso no Presídio Regional de Criciúma.

FONTE/CRÉDITOS: Comunicação Social da Polícia. Civil de Santa Catarina
Comentários:

Veja também

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!