Pense Jornal - Sua fonte de notícias na cidade de Jaraguá do Sul

Segunda-feira, 15 de Julho de 2024

Notícias/Nacional

Ida de ministros de Lula a Lisboa tem custo parcial de R$130 mil

Lista de autoridades e bajuladores já soma cerca de 160 confirmados

Ida de ministros de Lula a Lisboa tem custo parcial de R$130 mil
Fotos reprodução
IMPRIMIR
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

O evento promovido pelo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Gilmar Mendes, em Lisboa, Portugal, tem movimento a agenda de autoridades por todo Brasil. Somando todas as esferas do governo, Congresso Nacional e o Judiciário, a conta chega a cerca de 160 autoridades que devem desfrutar do evento na Europa.

Em Brasília, os ministros Anielle Franco (Igualdade Racial), Luciana Santos (Ciência Tecnologia e Inovação), Jorge Messias (Advocacia-Geral da União), Vinícius Marques (Controladoria-Geral da União) e Alexandre Silveira (Minas e Energia) devem bater ponto no evento de Gilmar Mendes. A ida dos ministros de Lula será bancada pelo pagador de impostos. A fatura deve superar os R$130 mil, segundo cálculos do jornal Folha de São Paulo, já que os titulares da AGU e de Minas e Energia não informaram o custo do deslocamento das excelências.

Para efeito comparativo, o ministro Silvio Costa Filho (Portos e Aeroportos) iria ao evento, mas cancelou a agenda. Apenas a ida do ministro custaria cerca de R$20 mil.

Publicidade

Leia Também:

A gastança com o congresso, que esvazia gabinetes e gera elevados gastos ao contribuinte, tem levantado discussões e repercutido entre imprensa e autoridades com questionamento quanto ao interesse público e necessidade de o evento a ser realizado em outro continente.

As críticas incomodaram Gilmar Mendes, que se queixou da repercussão negativa.

Gilmar Mendes é sócio do Instituto Brasileiro de Ensino, Desenvolvimento e Pesquisa (IDP), faculdade de nível superior que, em Brasília, atrai autoridades e bajuladores que não se furtam em se matricular na instituição.

Casal na Europa

Wanderlan Barbosa e Karynne Sotero estão na comitiva do Governo de Tocantins que vai desembarcar em Lisboa (Foto: Acervo Pessoal)

A comitiva do Governo de Tocantins é a segunda maior a desembarcar no Gilmarpalooza, 14 membros. O governador Wanderlei Barbosa Castro (Republicanos) garantiu o ingresso dele e da esposa, Karynne Sotero, que além de primeira-dama é secretaria estadual de Participações Sociais.

Outros governadores, como Tarcísio de Freitas (Republicanos), de São Paulo; Ronaldo Caiado (União Brasil), de Goiás; e Cláudio Castro (PL), do Rio de Janeiro, também devem dar as caras no congresso de Gilmar.

FONTE/CRÉDITOS: DP
Comentários:

Veja também

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!