Pense Jornal - Sua fonte de notícias na cidade de Jaraguá do Sul

Segunda-feira, 15 de Julho de 2024

Colunas/Geral

OS PILANTRAS ESTÃO PEDINDO VOTOS

Arroz importado: matemática aponta produto mais caro

OS PILANTRAS ESTÃO PEDINDO VOTOS
IMPRIMIR
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

LEMBRANDO

Quero lhes passar uma recomendação fundamental na hora de escolher o vereador do seu município na próxima eleição!
Veja com quem o candidato ou candidata anda, quem é o círculo de amizades, quem está pedindo votos!
Cuidado com quem anda com bandidos no seu entorno, principalmente, os bandidos que fazem poses de heróis!
Cuidado com quem anda com mentirosos!
Quem se junta aos trastes é um deles!
Quem convive com pilantras é pilantra também.
Olhe o passado do candidato, a ficha corrida, a capivara. Os iguais se juntam e não estão com boas intenções.
Seu voto poderá eleger um salafrário como seu representante e claro, vai levar os deles.
Abra o olho!

Leia Também:

BASTA MATEMÁTICA

Uma simples conta derruba o argumento de Lula (PT) para sua decisão suspeitíssima, afinal anulada, de importar arroz: ele alegou “combate à pressão do mercado”. Lorota. Segundo Carlos Fernandes, ex-secretário executivo de Segurança Alimentar Nutricional e Abastecimento de São Paulo, com a importação, o custo do pacote de 5kg de arroz sairia por R$ 36,85, valor superior à média nas prateleiras das grandes redes (R$ 33). Falta lógica e sobram suspeitas de corrupção na decisão de importar.

A saca de 50kg de arroz valia R$116 em 22 de novembro passado e caiu para R$ 105 em meados de abril deste ano.

Em maio, com a tragédia do Rio Grande do Sul, subiu para R$116, mas, em junho, com a entrada do arroz sequeiro, caiu para R$ 113,48.

Para Fernandes, o governo deveria usar os R$7,2 bilhões da importação no apoio ao plantio da safra 2024-2025, sobretudo no Rio Grande do Sul.

CADÊ OS AMBIENTALISTAS?

Registros do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) mostram que o Brasil tem o pior início de temporada de incêndios florestais dos últimos 21 anos.

No primeiro semestre de 2024, foram 27.914 focos de incêndio.  Imagens de satélites mostram que cinco dos seis biomas brasileiros registram tendência de alta nos números.

O problema se acentua no Pantanal, Cerrado e na Amazônia.

Ao jornal O Globo, a coordenadora do sistema de monitoramento de fogo do projeto MapBiomas, do Instituto de Pesquisa Ambiental da Amazônia (Ipam), Ane Alencar se diz preocupada.

“A gente vai passar aperto na temporada de seca deste ano porque não teve chuva suficiente para suprir o solo e compensar o estresse hídrico da temporada passada”, diz a especialista.

OS PERDULÁRIOS ESTÃO AÍ

Quando um governo tem a marca de perdulário, ou seja, gastador, esbanjador - o time todo adota a mesma prática.

No início do mês, a ministra da saúde Nísia Trindade (Saúde) levou uma comitiva de oito pessoas para Juiz de Fora (MG), usando para isso a mordomia de jatinho da Força Aérea Brasileira (FAB), claro.

O pretexto de tudo foi a inauguração de uma unidade básica de saúde. No voo de retorno, a ministra fez gentileza com chapéu alheio oferecendo carona à deputada Ana Pimentel (PT-MG).

A ministra que colocou o Brasil em primeiríssimo lugar no mundo em casos de dengue - viajou na companhia de três dos assessores da área de imprensa, um segurança e um assessor de “relações parlamentares”.

É o escárnio com a cara do brasileiro!

DESPREZADOS

Decisões erradas, inexperiência e o “modo sabe tudo”, são ingredientes que poderão enterrar municipalmente alguns partidos políticos.

Como se diz no jargão popular:

“A Política não é para amadores”.

Erros de avaliação, ausência de bons nomes, somam-se aos desastres.

É esperar para constatar.

FONTE/CRÉDITOS: Redação
Comentários:
Sérgio Peron

Publicado por:

Sérgio Peron

Lorem Ipsum is simply dummy text of the printing and typesetting industry. Lorem Ipsum has been the industry's standard dummy text ever since the 1500s, when an unknown printer took a galley of type and scrambled it to make a type specimen book.

Saiba Mais

Veja também

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!