Pense Jornal - Sua fonte de notícias na cidade de Jaraguá do Sul

Segunda-feira, 15 de Julho de 2024

Colunas/Geral

A LIVE DO EX-PRESIDENTE, A PF AGINDO DE NOVO E A "CAÇADA"CONTINUA

Muita chuva em pouco tempo e estragos foram registrados

A LIVE DO EX-PRESIDENTE, A PF AGINDO DE NOVO E A
IMPRIMIR
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

HUMILHANTE

Como já era esperado, a live do ex-presidente Jair Bolsonaro superou toda e qualquer expectativa.

Foi simplesmente humilhante!

Leia Também:

Segundo dados 1.600.000 visualizações em tempo real.

Claro que Bolsonaro aproveitou para um deboche: disse que a live semanal de lula foi cancelada por “excesso de mentiras”.

De fato, a preocupação de Lula era a de falar mal do governo anterior e sem apresentar nada.

Com 5 mil expectadores, a maioria de militantes petistas, o projeto não decolou.

Até o global Marcos Uchôa – filiado ao PCdoB – foi contratado para tentar alavancar as lives.

Pelo visto e pelo cancelamento, a coisa desandou.

O ministro Paulo Pimenta anda dizendo que “o projeto será reformulado” e ao que tudo indica, a sem mudar nada.

A COISA DESANDOU DE VEZ

A Polícia Federal voltou às ruas, nesta segunda-feira (29), para cumprir mandado de busca no gabinete e em endereços do vereador carioca Carlos Bolsonaro (PL), filho do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL).  A operação é desdobramento da Operação Vigilância Aproximada, deflagrada na quinta-feira (25) para investigar o deputado federal e ex-diretor-geral da Agência Brasileira de Inteligência (Abin), Alexandre Ramagem (PL-RJ), por suspeitas do uso de um programa de espionagem do órgão para monitoramento de autoridades e de pessoas, sem autorização da Justiça e com interesses pessoais e políticos.

Sem informações oficiais que detalhem a motivação da operação, a nova incursão da PF contra opositores do presidente Lula pode estar ligada ao fato de Carlos Bolsonaro ser amigo de Ramagem e ter atuado com presença constante em Brasília, durante o governo de seu pai e a gestão do ex-diretor da Abin. A suspeita é de que o vereador carioca seria um dos integrantes do clã Bolsonaro mais influentes no suposto uso de dados programa secreto chamado FirstMile, para monitorar a localização de políticos, jornalistas, advogados e adversários do governo de seu pai.

NÃO SABEM MAIS O QUE FAZER

A situação está tomando tal proporção que não há outro termo a não “caçada”.

O governo federal está “mais do que incomodado” com os acontecimentos e tenta de todas as maneiras atingir ao ex-presidente.

Há um grupo dedicado e que não se limita a Jair Bolsonaro, mas busca por toda a sua família.

O que, talvez, ainda não se deram conta é de que: quanto mais mexem, mas os Bolsonaro saem fortalecidos.

VAI EXPLODIR

Segundo informações de bastidores, os alvos estão sendo escolhidos a dedo.

O General Heleno, o General Braga Neto e outros militares do Exército, também estariam na mira do atual governo.

Querem intimidar, porém, a tensão na corda já atingiu o limite e vai arrebentar.

Estão ocorrendo reuniões da alta cúpula do Exército (sem o Comando Geral, obviamente) e o descontentamento é total.

As repercussões dentro da tropa estão muito ruins.

CONSTRANGEDOR

Um áudio do prefeito de Ponte Alta do Norte Ari Alves Volinger do PL, o “baguio”, enviado para a sua esposa, causou um reboliço na sexta-feira que passou.

Acontece que a fala teria sido feita durante a permanência do prefeito no Fórum de Curitibanos, uma vez que foi preso na Operação Limpeza Urbana do GAECO, utilizando o telefone do seu advogado, mas com a devida autorização para o uso e envio.

Publicado em outros grupos de Whatsapp, o material se esparramou.

Acontece que na intenção de acalmar a esposa e demais familiares (essa é a leitura que faço), o prefeito preso disse que “o caso teria interferência do Governador Jorginho Melo e do Deputado Nilso Berlanda”, ambos do PL.

Ficou esquisito, ficou constrangedor.

Foi a tal “batata quente”.

CHUVA DEMAIS

Domingo no final da tarde e a sensação foi a de que “o dilúvio estava de volta”.

Um volume considerável de chuva e em pouco tempo, o que é o pior cenário.

Foi estimado em 50mm de chuvas em uma hora, o que é muito.

Os estragos não foram poucos e os transtornos, idem.

Os locais um pouco mais baixos, sofreram e os rios transbordaram em alguns pontos.

Até deslizamentos ocorreram, como foi registrado pelo colega Claudio Costa do OCP (foto principal).

FONTE/CRÉDITOS: Redação
Comentários:
Pense Jornal

Publicado por:

Pense Jornal

Lorem Ipsum is simply dummy text of the printing and typesetting industry. Lorem Ipsum has been the industry's standard dummy text ever since the 1500s, when an unknown printer took a galley of type and scrambled it to make a type specimen book.

Saiba Mais

Veja também

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!